Pesquise no blog:

google +1

Qual o seu critério para escolher uma loja OnLine ?

sábado, 8 de maio de 2010

Dicas para economizar a bateria de sua câmera digital !!

1. O principal vilão: tela LCD

Com certeza as telas de LCD são as responsáveis pelo maior gasto de bateria desnecessário. Ainda mais agora que estão cada vez maiores, podendo chegar até 4 polegadas.

FinePix HX10, da Fuji. Visor LCD de 3A maioria das câmeras compactas só possui esta forma de visualizar a imagem na hora da foto, mas uma boa opção – e disponível em 99% das câmeras – é diminuir o brilho da tela. Assim, você garante a economia de energia sem perder o enquadramento da foto.

Para câmeras um pouco mais sofisticas ou profissionais é interessante desligar o visor LCD e fotografar utilizando o visor direto. Seja como for, diminuir o uso do LCD é certeza de economia. E este fator nos leva à segunda dica:

2. Visualizar e deletar imagens? Em casa!
Quantas vezes batemos a foto e ouvimos a pergunta: “Posso ver como ficou?”. Bem, na verdade, não pode. Ficar revendo as imagens feitas, deletando, selecionando em pastas e editando é um costume comum, mas que gasta muita bateria.

Além de deixar o visor LCD ligado por mais tempo, você pede que a câmera realize várias funções que exigem muito da câmera e do cartão de memória, gastando, assim, mais energia. Portanto, se estiver com apenas uma bateria ou em um local sem ter como recarregá-la, deixe para editar e rever suas fotos em casa.
3. Flash: evite!

As câmeras digitais compactas são comumente usadas em modo automático. Nenhum problema até aí, pois eles são geralmente satisfatórios e não exigem conhecimento do usuário. No entanto, esse modo automático define, também, quando utilizar ou não o flash. E podem errar.

O flash gasta muita bateria. Você mesmo pode testar isso, verificando a diferença de fotografar um dia só com flash e outro sem. Com certeza vai perceber que a bateria dura por mais cliques sem a iluminação artificial.

Portanto, se o lugar fotografado for bem iluminado, desligue o flash da câmera. Além de economizar energia, vai proporcionar fotos melhores. Outra opção é utilizar flash externo, no caso de câmeras semiprofissionais e profissionais, pois eles funcionam com bateria própria.
4. Não carregue a bateria mais tempo do que necessário
Este é um erro comum, que muitas pessoas não percebem que cometeram. Ao colocar suas baterias (ou pilhas recarregáveis) para carregar, respeite o sinal luminoso: se ele informa que a bateria já está carregada, retire-a da tomada imediatamente. Deixar suas baterias na tomada por muito tempo pode ocasionar perda de células, diminuindo seu desempenho.

iStock iStock

5. Carregar e descarregar
Outra dica com relação à bateria é tentar sempre carregá-la e utilizá-la até o final. Não é necessário esperar até que a câmera desligue. Logo que ela informar que a carga de bateria está baixa, pode recarregar. Mas evite carregar a bateria se ela ainda tem carga para ser utilizada.
6. Observações finais
Mesmo com as dicas acima ainda há coisas que você pode fazer. A primeira delas é verificar se sua câmera tem um modo hibernar. Isso garante que o visor LCD desligue sozinho quando não for usado depois de algum tempo.

iStockOutra dica importante é sempre verificar a carga da bateria antes de sair de casa. Baterias que não forem utilizadas por muito tempo podem descarregar. Vale lembrar que é bom guardá-las em local seco e longe do calor.

E por fim, se puder, sempre carregue uma bateria extra. Melhor ainda se comprá-la juntamente com a câmera, pois a chance de pagar mais barato é maior. Dessa forma, a probabilidade de perder imagens legais por ficar sem carga é menor.

Esperamos que estas dicas ajudem você a não deixar de fotografar nenhum momento importante. São ações simples que podem economizar carga e prolongar a vida útil da bateria de sua câmera digital.

Um comentário:

Tradutor